De grátis

Post bem curtinho. Como o André nunca aparece para escrever aqui, vou contar hoje uma historinha que acaba de acontecer com ele.

Uma agência mandou um e-mail com uma consulta para um serviço bem pequeno, umas 3 linhas,  com documento anexo e até TM. Normal, não é? Só que a coisa veio nesses termos:

“Prezado Sr. André, poderia, por favor, traduzir os textos abaixo para o português do Brasil DE GRAÇA? O assunto é URGENTE, portanto pedimos resposta imediata!”

É melhor nem comentar, mas achei que esse absurdo merecia ficar registrado em algum lugar.

Anúncios

3 Comentários

Arquivado em Agências, Clientes

3 Respostas para “De grátis

  1. Marion L. Pfeffer

    Concordo com você, Bete: melhor nem comentar. kkk

    Abraços, Marion

  2. Flávia

    Porque é brasileiro seria de graça… E a agência faria alguma coisa “de graça”?

  3. ótimo! vocês poderiam enviar a história para este blog: http://divasca.blogspot.com/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s